Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Painel de São Francisco sai para mais uma noite de Novena

Devotos carregam o Painel de São Francisco, para a mais uma noite da Novena na Praça dos Romeiros (Foto: Arquivo da Paróquia – por Antônio C. Alves )

O Painel de São Francisco este ano comemora 125 anos, símbolo de seus devotos, na fé, alegria e louvor.

Sempre após a Santa Missa das 16h, da Quadra da Gruta, os devotos aguardam ansiosos pela saída do Painel da sua capelinha, é um verdadeiro elo de ligação dos devotos entre a Basílica-Santuário e a Praça dos Romeiros, a fim continuar a programação religiosa com mais uma noite da Novena.

Nesse próximo dia 03, será a última condução do Painel para a novena, na 9ª noite, sob a temática do trânsito de São Francisco.

A fervorosa procissão com o Painel de São Francisco acontece desde 1890 durante a Festa de São Francisco. Criado pelo padre Manoel Cordeiro da Cruz, o Painel de São Francisco tem hoje um significado fascinante para cada romeiro.

Os devotos seguem em procissão, e participar deste ato de fé é a oportunidade de estar próximo de São Francisco, para pagar a promessa, pedir uma graça, fazer agradecimentos, ou simplesmente pela felicidade em conduzi-lo, como quem tem confiança e esperança no Santo da Paz, na alegria de viver o Evangelho.

Saiba mais…

A armação do Painel de São Francisco das Chagas é feita de madeira e foi confeccionada na Bahia, enquanto a estampa foi confeccionada na Itália. Possuía iluminação à base de lamparinas e velas que com o tempo e a modernidade deram lugar a uma iluminação alimentada por baterias.

Depois de muitos anos fazendo parte das festividades e ficar um pouco danificado, ele foi restaurado em 1980 por Maria Vieira (in memorian) e Raimunda Dias. Já a estampa de São Francisco que está no Painel fora restaurada pelos artistas Lisboa (do Centro de Artes Plásticas de Canindé) e Manoel Messias (in memorian), também carinhosamente conhecido como Manoelzinho.

O Painel de São Francisco pesa aproximadamente 500 quilos e é necessário 18 pessoas para levá-lo até a Praça dos Romeiros. Durante a caminhada é feito um revezamento e cada cinco minutos um devoto pega no andor e, quando chega ao seu destino final mais de 50 pessoas tem participado da louvação e devoção ao painel.

Fonte: Equipe de Comunicação do Site Santuário (www.santuariodecanindecom). Texto: Eva Santos. Fotos: Arquivo da Paróquia.

Veja mais Notícias Destaques!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *