Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Província Franciscana do Nordeste realiza Capítulo em janeiro de 2021

A Província Franciscana de Santo Antônio de Santo Antônio do Brasil vai realizar seu Capítulo no mês de janeiro. O encontro reunirá Frades Menores de todo o Nordeste que se encontram a cada três anos.

O Capítulo Provincial segundo as Constituições Gerais (CCGG) é um espaço para “analisar o estado atual da vida e atividade dos irmãos da Província, procurar propor meios oportunos de melhorias e crescimento, deliberar e de comum acordo tomar decisões sobre novas iniciativas e assuntos de maior importância, bem como realizar as eleições”.

Em outras palavras, trata-se de uma Assembleia que privilegia a revisão e planejamento da vida e missão como frades menores no Nordeste do Brasil, na Missão entre os índios Tiriyós (extremo norte do Pará) e nas duas casas da Alemanha.

Para o Capítulo 2021 foi escolhido como tema “Amar, confiar e comprometer-se” e o lema “Reconhece tua vocação ( I Cor. 1,26)”, “Cesssem as palavras e falem as obras (Santo Antônio)”. “Somos chamados como irmãos menores a reconhecer a nossa Vocação, baseada no testemunho e no Evangelho. O tema e o lema foram escolhidos a partir do envio de sugestões feitas pelas fraternidades de nossa Província”, explica a página da Província no Instagram.

Nas redes sociais será utilizada a hashtag #cp2021

Saiba mais sobre a história dos Capítulos dos frades

Desde o século VIII, os monges beneditinos se reuniam, depois da Hora Prima, para escutar a leitura de um “capítulo” (capitulum) da Regra dos Monges de São Bento. Pouco a pouco, essa reunião da comunidade monástica começou a ser chamada de “capítulo” (do mosteiro), e o lugar em que reuniam, de “sala capitular”.

Nos mosteiros havia dois tipos de capítulo. Um consultivo: o Abade ou Abadessa pedia o conselho da comunidade a respeito de algum assunto. O outro era formativo: o Abade ou a Abadessa fazia um comentário sobre o significado de um trecho da Regra, apenas lido.

O “Capítulo geral” foi criado pelos monges cistercienses, em 1195. Todos os Abades cistercienses reuniam-se uma vez por ano na Abadia de Citeaux (França). Em 1215, o IV Concílio Latrão (cânone 18) estabeleceu que todas as Ordens religiosas celebrassem “capítulos”, de determinados a determinados anos (anual, trienal, etc.), seguindo o exemplo dos cistercienses, com o objetivo de promover a reforma da vida religiosa.

Assim, a palavra “capítulo”, nos tempos de São Francisco, já havia adquirido um significado e gozava de longa e variada tradição. De 1209 a 1217, aproximadamente, se celebrava um “Capítulo geral” duas vezes por ano: na Festa de Pentecostes (maio-junho); e na festa de São Miguel (29 de setembro). Mais tarde, (1218-1223), os Ministros da Itália e regiões vizinhas celebravam cada ano um Capítulo em Pentecostes e, cada ano, celebravam-se também “capítulos provinciais” na Festa de São Miguel. A cada três anos, os Ministros das Províncias “além dos Alpes” participavam do “Capítulo Geral”, na Porciúncula.

Hoje, a Ordem dos Frades Menores estabelece um Capítulo na Província ou Custódia a cada três anos e um Capítulo geral a cada seis anos.

Com informações da página da Província Franciscana de Santo Antonio do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Campanha dos Benfeitores

Informações, atualizar cadastro, novo benfeitor, revista, doações

Secretaria do Santuário

Informações, horários de missas, cemitério São Miguel, doações

Secretaria da Paróquia

Informações, horários de missas, batizados, casamentos, dízimo

Pousada Franciscana CEFRAE

Hospedagem, acomodações e refeições para romeiros e visitantes

Livraria São Francisco

Informações, livros, bíblias, artigos religiosos, lembranças do Santuário