Share on facebook
Share on telegram
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Ascenção de Jesus ao Céu

2013-05-09 Rádio Vaticana

“Um dom precioso que o Espírito Santo traz aos nossos corações é a profunda confiança no amor e na misericórdia de Deus”.

Mensgem tweet do Santo Padre no último dia 9 de Maio, Dia da Ascenção de Jesus ao Céu.

Com a Ascenção Jesus termina o seu itinerário terreno e dá início à sua condição gloriosa à direita do Pai, onde a sua obra de salvação é reconhecida, o seu sacrifício é acolhido, a sua oração se torna intercecpção universal, a sua presença se torna eficaz em todo e qualquer espaço e o seu poder se difunde em todas as situações, “no céu e na terra”, como narra São Mateus. Pode-se ter a impressão de que Jesus se afasta, de que os apostólos já não o voltarão a ver. Na realidade, a Ascenção O torna mais próximo e no meio deles, e eles passarão a senti-lo próximo e já não no seio dos limitados e privilegiados confins dos seus breves dias e lugares: a humanidade gloriosa do Senhor passa a estar contemporâneamente por todo o lado e em cada um; uma contemporaneidade que ultrapassa qualquer tipo de objecção e de resistência. Com sugestiva expressão São Bernardo dizia: ascendendo ao céu, “Jesus deixou em nós a semente da confiança e da espera, criou a esperança nos crentes” .

(clique na imagem para ampliar!)

É precisamente com esta presença do Senhor que os discipulos realizam a sua missão, que apregoam o Evanglho, a fim de que seja acolhido na fé o no baptismo e a salvação se concretize – escreve Inos Biffi nalgumas reflexões para este dia tão importante para a Igreja e feriado no Vaticano.

Fonte: Portal de notícia do Vaticano – www.news.va

Ver + notícias Destaque do Santuário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *